Pesquisadora da Rede Folkcom é vencedora do Prêmio Luiz Beltrão 2012

betaniamacielA pesquisadora e ex-presidente da Rede de Estudos e Pesquisa em Folkcomunicação – Rede Folkcom , a professora Betania Maciel foi a vencedora do Prêmio Luiz Beltrão 2012, na categoria liderança emergente. O anúncio foi feito na noite de 22 de junho, pela Diretora Cultural da Socidade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (Intercom) , Rosa Maria Dalla Costa (UFPR), e pela gerente de Desenvolvimento Institucional da Rede Globo, Viridiana Bertolini, na solenidade de inauguração do “Espaço da Comunicação” da Intercom, na cidade de São Paulo, destinado a atividades de natureza cultural.

Betania Maciel é professora de Folkcomunicação da Universidade Federal Rural de Pernambuco, vinculada ao Programa de Pós-Graduação em Extensão Rural e Desenvolvimento Local (Posmex), tendo sido presidente da Rede Folkcom por dois mandatos sucessivos (2006-2010). Atualmente é coordenadora do GT – Comunicación Intercultural y Folkcomunicación da Asociación Latinoamericana de Investigadores de la Comunicación, ALAIC.

O Prêmio Luiz Beltrão, que conta com apoio do Programa Globo Universidade, foi instituído em 1997, durante a comemoração dos 20 anos de fundação da Intercom – Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação – para estimular a pesquisa no campo comunicacional, reconhecendo a excelência dos trabalhos realizados por jovens pesquisadores e cientistas que atingem a maturidade acadêmica, bem como instituições que respaldam ou abrigam estudos relevantes.

Os troféus são atribuídos anualmente por um júri nacional, constituído hoje por 24 participantes, entre eles os ex-presidentes da Intercom e os pesquisadores contemplados com o Beltrão na categoria maturidade acadêmica, em anos anteriores. Presidido pelo fundador da Intercom, José Marques de Melo, esse conselho deliberativo é integrado por Muniz Sodré, Lucia Santaella, Antonio Hohlfeldt, Marialva Barbosa, Carlos Eduardo Lins da Silva, Murilo Cesar Ramos, Sergio Mattos, Anamaria Fadul, Maria Immacolata V. de Lopes, Adolpho Queiroz, Sonia V. Moreira e vários outros.

Em 2012, a  historiadora Isabel Lustosa (Fundação Casa de Rui Barbosa), o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) e o Grupo Comunicacional de Belém (Universidade Federal do Pará) também venceram essa edição do prêmio.

A professora Betânia Maciel venceu na categoria Liderança EmergenteGraduada em Pedagogia e mestre em Comunicação e Extensão pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), fez Doutorado em Comunicação Social pela Universidade Metodista de São Paulo, onde defendeu tese sobre o desempenho da mulher pesquisadora na divulgação da ciência, como bolsista Capes, agência que financiou também sua pesquisa na Universidade de Salamanca, Espanha. Desde os estudos de pós-graduação, vem desenvolvendo trabalhos no campo da Folkcomunicação, sob orientação do professor Roberto Benjamin, integrando o corpo de professores e pesquisadores do Mestrado em Extensão Rural e Desenvolvimento Local da UFRPE. Participando da comunidade científica internacional, vem inscrevendo comunicações nos congressos da IAMCR, Lusocom, Alaic, Assibercom, Intercom. Como presidente da Rede Brasileira de Pesquisadores em Folkcomunicação(Folkcom), desempenhou papel decisivo na consolidação dessa disciplina, liderando atualmente os Grupos de Pesquisa em Folkcomunicação da Alaic e da Confirbercom. Tem vários artigos publicados em revisas brasileiras e latino-americanas, sendo editora convidada da revista mexicana Razón y Palabra, onde coordenou duas edições temáticas sobre Folkcomunicação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *