Folkgastronomia do caju

cajuO caju é uma fruta popular e tropícal comum no Nordeste do Brasil. É muito usada pelas classes populares em forma de suco, mas seu aproveitamento para produzir um tipo de carne pode revolucionar a gastronomia popular. Pode ser uma alternativa para o Projeto FOME ZERO do Governo. É a Folk-Gastronomia do Caju.

Carne vegetal de Caju. Este é o novo produto que o empresário da capital do estado do Ceará, Nordeste do Brasil, Jaime Aquino, 74, que é o maior produtor e exportador de caju (uma fruta tropical muito comum no Nordeste do Brasil) do mundo, está  lançando no mercado. Ele é dono da CIONE-Companhia Industrial de Óleo do Nordeste, uma empresa que fatura por ano cerca de US$ 16 milhões com exportação da castanha (semente da fruta) e agora está  produzindo carne de caju e revolucionando a culinária brasileira. Sua decisão pode revolucionar o setor de alimentos, além de expandir a economia com o ingresso de micro e pequenos empresários do setor agro-alimentício.

caju

O caju sempre foi um produto importante na agricultura do Nordeste do Brasil, pois sua castanha é utilizada na alimentação, principalmente, nas festas de Natal e Ano Novo como tira-gosto nos coquetéis. Mas a carne da fruta é desprezada e, na maioria das vezes ‚ jogada fora. Cansado de ver 27 milhões do pedúnculo (parte do caju sem a castanha) ser desperdiçados todos os anos, enquanto as castanhas são exportadas para vários países do Mundo, o empresário fez pesquisas e começou a fazer pratos variados com o caju. Com gosto mais próximo da carne bovina do que a soja, a carne de caju pode ser utilizada para produzir moquecas, almôndegas, pastéis, quibes, frituras diversas, coxinhas, bolinhos salgados, rissoles, além de tortas doces e suflês.

Depois de tomar a decisão de explorar o caju na culinária, o empresário Jaime Aquino partiu para uma cruzada educativa nos meios de comunicação. Esteve em várias rádios e TVs de Fortaleza com o objetivo de divulgar o seu novo produto. No programa de TV de maior audiência no estado, o ‘Ceará Caboclo’, apresentado pelo poeta Carneiro Portela, ele mostrou os principais pratos que podem ser preparados com o caju e pediu ao seu cozinheiro, José Ari Ferreira da Silva,38, para explicar e dar as receitas.

O caju é uma fruta rica em fibras, vitamina C e sais minerais (cálcio, ferro e fósforo), mas somente a sua castanha tem sido aproveitada comercialmente. No Ceará, a castanha de caju ocupa o primeiro lugar das exportações. O pedúnculo, entretanto, é completamente desperdiçado. Segundo o diretor do Departamento de Tecnologia de Alimentos da Universidade Federal do Ceará-UFC, Raimundo Williane de Figueiredo, 94% de toda a produção do pedúnculo vai para o lixo. Os 6% restante são utilizados na indústria de sucos e doces.

 

“Nunca me conformei de ver tanto pedúnculo desperdiçado, enquanto milhões de pessoas passam fome”, desabafa Jaime Aquino. Ele atua no setor há 34 anos. Desta forma, o empresário resolveu montar no refeitório de sua empresa, a CIONE, com sete mil funcionários, um ‘restaurante do caju’. Ali ele recebe diariamente um grupo seleto de pessoas – jornalistas, políticos, empresários, artistas – para saborear as delícias do caju. Sua idéia é transformar o caju  no componente número um da mesa da população do Nordeste e de todo brasileiro do Sul.

A produção de castanha de caju do Ceará , no ano passado, foi de 74 mil toneladas e a safra prevista para este ano é de 100 mil toneladas. Somente a CIONE, empresa que lidera as exportações, fatura 16 milhões de dólares/ano. Seu mercado abrange os Estados Unidos, Europa, Líbano, Japão, América do Sul.

 

caju

Receitas do caju  
1)   Moqueca de Caju

Ingredientes

10 cajus maduros e consistentes

1 tomate, 1 pimentão verde, 1 cebola

2 colheres de sopa de azeite de dendê, sal e pimenta

 

Modo de fazer

Lavar os cajus e cortá-los em cubos.

Deixar escorrer um pouco. Refogar o dendê com tomate, cebola e pimentão. Se quiser, pode adicionar cheiro verde. Pimenta e sal à gosto. Depois de refogado,

colocar o caju e leite de coco e deixar cozinhar por 30 minutos.

 

2)  Carne de Caju
Ingredientes

10 cajus maduros e consistentes.

Tomates, pimentão, cebola, sal e pimenta.

Modo de fazer

Passe os cajus no liquificador e depois numa peneira para retirar o máximo do suco. Ponha em seguida numa panela e leve ao fogo, mexendo sem parar até‚ enxugar totalmente. Tempere com duas colheres de óleo e as verduras picadas, sal e pimenta.  Fica com aspecto de carne moída. A carne pode ficar pronta congelada para ser usada nos pratos.

 

 

3)  Fritada de caju
Ingredientes
4 ovos

Carne de caju pronta

2 colheres de maizena.

Margarina para fritar

 

Modo de Fazer

 

Bata as claras, as gemas e misture a maizena. Em seguida, coloque a carne de caju já pronta e misture. Asse na margarina até dourar.

 

4) Omelete de caju
Ingredientes

4 ovos.

2 colheres de sopa de maizena.

Margarina para fritar.

Carne de caju.
Modo de Fazer

Bata as claras em neve e adicione a gema e a maizena. Em separado, a carne de caju já deve estar pronta. Ponha a margarina para derreter e parte da mistura de ovos.  Recheie com a carne de caju e cubra com o restante dos ovos. Virar e servir quente.

5) Bife de caju

Ingredientes

300gramas de carne de caju preparada.

2 colheres de farinha de trigo.

óleo para fritar

 

Modo de preparar

Misture a carne de caju já pronta com a farinha de trigo. Forme os bifes com as mãos e frite em óleo quente.

6)  Bolinhos de caju

 

Ingredientes

Massa para fazer bife ( carne pronta de caju com a farinha de trigo).

Farinha de rosca.

 

Modo de Fazer
Forme as bolinhas com a mass
a e passe na farinha de rosca. Fritar em óleo quente.
7)  Torta salga de caju  (para 4 pessoas )

Ingredientes

12 cajus médios sem casca.

2 cebolas grandes.

2 pimentões verdes médios.

2 tomates.

4 dentes de alho batidinhos.

3 colheres (sopa) de azeite.

5 limões.

4 ovos.

Coentro e cebolinha batidos.

 

Modo de fazer

Esprema os cajus e coloque em vasilha com  água e limão. Depois esprema novamente os cajus e desfie bem fininho com a ajuda de um palito. Coloque em outra vasilha com  água e limão. Depois, leve a vasilha  (com os cajus e a  água de limão) ao fogo por 40 minutos. Escorra bem e comece a prepara-los. Bata no liquificador as cebolas, pimentões e tomates com meio copo de água. Ponha o caju numa panela e adicione a mistura de cebola, pimentão, tomate. Coloque sal e leve ao fogo até quase secar.  Refogue no azeite o alho e o caju, junte o cheiro verde e reserve. Bata quatro ovos inteiros com um pouco de sal. Ponha a metade em um pirex, em seguida o caju refogado, e, por cima, o restante dos ovos batidos. Asse em forno moderado, desenforme e sirva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *