Chamada de trabalhos analisa modernidade na América Latina

Sob a direção dos diretores convidados Maria Érica Oliveira (pesquisadora da Rede de Estudos e Pesquisa em Folkcomunicação – Rede Folkcom) e Sebastião Guilherme Albano da Costa, a Revista Vivência convida a comunidade acadêmica para analisar a modernidade na América Latina nesta publicação da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

Confira abaixo a proposta:

Há mais ou menos 200 anos, no que hoje conhecemos como América Latina, eclodia uma série de levantes contra a circunstância colonial, o que se pode denominar de primeiras ofensivas modernizadoras na região. Como já foi bastante documentado, a modernização social é caudatária da modernidade em sentido amplo, que entre nós afigurou-se antes como uma quimera ou um imaginário moderno e apenas recentemente afirmou-se como um sistema de civilização mais concreto. De qualquer maneira, sem o advento da autonomia do campo das ciências, da técnica aplicada ao serviço do mercado de talhe capitalista e dos modos discursivos que na Europa e nos Estados Unidos legitimaram os novos conteúdos, não haveria, por exemplo, a imprensa como a conhecemos, o principal suporte que promoveria a publicação e a disseminação de ideias políticas burguesas, lastro das revoluções dos séculos XVIII e XIX, tanto em seu viés utópico como ideológico. A despeito dessa espécie de espelho institucional entre Europa e América Latina, as ideias produzidas e levadas a termo lá, malgrado não estarem isentas de vicissitudes, incorporaram entidades verdadeiramente frágeis aqui, consignadas por constituições cujos postulados legais não condiziam com a dinâmica do corpo social, mormente camponês, disperso e quase sem conhecimento dos valores que emergiam, tais como a universalização da educação formal, a urbanização, o arcabouço jurídico que assegurou relações razoáveis entre o público e o privado, a liberdade de expressão etc. Com o intuito de fomentar o debate sobre os desdobramentos das relações entre estruturas modernas e seus processos de aclimatação na América Latina, ajudando na construção das sociedades locais,lançamos a chamada de artigos para a revista Vivência.

Normas para publicação em: http://www.cchla.ufrn.br/vivencia

Envio de artigos: até 15 de janeiro de 2010, para o email:
vivencia_alatina [arroba] cchla [ponto] ufrn [ponto] br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *